quarta-feira, 5 de maio de 2010

Dragão e a variância

Preparem-se porque vai ser um loooongoooo post. :D

No Domingo como havia referido, fui ao Porto ver o jogo, mas avizinhava-se um dia complicado, primeiro porque não tinha bilhete (tentei por diversas formas arranja-lo, e não foi de todo possível), por isso só me restava arrancar e comprar lá a alguém que o estivesse a vender na candonga... Segundo porque ia sozinho (não sei porquê, não consegui arranjar ninguém que quisesse ir ao Dragão, ainda estou a tentar perceber porquê :D :D :D), pelo que teria de fazer tudo por minha conta e risco, e depois porque ia apenas com 2 horas de sono, e com o meu estômago e a minha cabeça em estado muito deficitário, digamos apenas que a noite anterior tinha sido complicada :D.

Pois bem, arranquei no comboio das 11h, o que depois de diversos atrasos e tempo de espera consegui chegar por volta das 13h, apanhei o metro e cheguei ao estádio, onde não estava quase ninguém, o que me começou a deixar um pouco preocupado, mas logo depois se aproximou um grupo de jovens, muito bem encarados (:D :D), com cachecóis dos SD, que logo se prontificaram a vender-me um bilhete, quase pelo preço facial, digo quase porque custou-me 50€ e o bilhete apresentava um preço de 17€... Ainda tentei negociar, mas após uma troca de olhares não muito amigável, resolvi comprar logo ali, pois ainda me arriscava a andar o dia todo à procura, e ainda ter de o comprar mais caro... O único senão era o facto do bilhete ser para a claque dos SD, mas o que em principio não constituiria problema, porque já me haviam avisado, que caso segui-se com as claques do Benfica na comitiva que iria sair da Campanhã, a policia deixar-me-ia sempre entrar com eles por óbvias razões de segurança...

E assim foi, passei pelo Dolce Vita para almoçar e segui logo para a estação da Campanhã, onde após umas horitas de espera, lá começaram a chegar os 1os adeptos e os esperados comboios fretados para o efeito. Seguimos então para o estádio e correu tudo nos conformes, sem incidentes, e o único senão foi termos demorado cerca de 2.30h à entrada do estádio, à espera que todas as revistas e protocolo de segurança fossem concretizados, mas ainda assim conseguimos entrar a 15m do jogo começar...

Como em Liverpool, o ambiente e o ânimo estavam ao rubro, pena foi mais uma vez o resultado, paciência, fica para esta semana a festa.

Deixo-vos aqui algumas fotos e vídeos que fiz, se tiverem interesse em ver os restantes aqui fica o link do meu canal no youtube:
http://www.youtube.com/user/mjadrake#p/u





video

video

A ida, embora com um melão enorme, também foi tranquila, fomos escoltados de volta à Campanhã (com helicópteros militares incluídos), e acabei por seguir no comboio fretado para as claques, já que fazia paragem em Aveiro, Coimbra, e Sta Apolónia. À chegada à estação de Aveiro ainda fomos apedrejados, e estilhaçaram-nos 3 ou 4 vidros, mas ninguém se magoou...

Para terminar este assunto queria só salientar mais 2 coisas, para começar o trabalho das forças policiais, porque embora tenha visto (quando cheguei a casa), que houve problemas com autocarro do clube e uma ou outra situação pontual, no que nos disse directamente respeito, foi tudo impecavelmente organizado e concretizado, e foram 2 cortejos sem incidentes, com dezenas de PSPs, Spotters, CIs, nas ruas e em cada recanto, com carros, ambulâncias e helicópteros, para garantir que tudo corresse pelo melhor.

Depois algo que me impressionou imenso foi o extremo ódio, não me enganei, refiro-me mesmo a ódio e não rivalidade (rivalidade é algo de saudável, que é por exemplo o que eu sinto em relação, aos nossos vizinhos da 2a circular), que é sentido por toda a população, adeptos e simpatizantes com me cruzei. Eu tenho bastantes amigos portistas, que não partilham deste sentimento, mas após isto começo a pensar que são apenas excepções. Para este jogo foi criado um clima de terror, como poucas vezes tinha sido visto em Portugal, complementado com incidentes antes e durante o jogo envolvendo a equipa, desde apedrejamentos e ameaças antes e arremesso de tudo e mais alguma coisa para o relvado, o que prejudicou claramente o saudável desenvolvimento deste jogo. Queria também reafirmar o meu completo repúdio, por qualquer acto de violência, em qualquer que seja o contexto, seja de que clube/claque for, mas espero também que todas as situações ocorridas neste fim-de-semana, sejam alvo de intensa análise, e que todos os culpados sejam efectivamente punidos e de forma exemplar, pois esta é a única forma de fazermos face a este flagelo, que degrada e corroí semanalmente o nosso futebol...

Agora mudando de assunto e voltando ao poker, o meu mês começou no sábado, com uma sessão de 3k hands, que correu de forma bastante calma e decente, e que rendeu 294$ (+144€+103$).

Como na 2a não estava com muita vontade, deixei-me estar quietinho, para atacar em força na 3a. Pois bem era essa a minha intenção, mas não passou disso...

Lembram-se de um célebre dia no inicio de Março, pois bem foi idêntico. Até começou de forma decente, onde tive a ganhar 3/4 buyins, mas depois veio esta mão:


Fomos allin, no turn e pronto um de 3 outs para um pote 250bbs (big blinds), mas o pior ainda estava para vir, porque depois nem 5m volvidos perdi mais 2 potes para 200bbs e 450bbs respectivamente, de top pair para flush draw (allin no flop), que me deixaram destroçado. Não que estas situações não sejam normais e não aconteçam diariamente, o problema foi terem sido quase consecutivamente, o que abalou bastante a minha motivação...

Mas inspirei fundo e recompus-me e continuei a tentar a jogar o meu melhor, durante algum tempo assim o fiz, e ainda consegui recuperar e estar confiante numa sessão positiva, mas depois, veio o que deve ter sido a pior meia hora desde que me lembro de jogar, apenas 400hands, mas aconteceu-me de um pouco, de bad beats a coolers terríveis, e pronto tive de dar logo por encerrada a sessão, simplesmente não estava em condições de continuar (pena apenas que não o tenha feito mais cedo).

E deu nisto, 475$ perdidos (-215€-199$) e entre 400$ a 450$ abaixo do esperado...


E pronto, esta sessão atirou-me obviamente para o red este mês, mas nada de preocupante, pois ainda estamos no inicio e a situação vai com certeza melhorar.

A título de curiosidade, fui rever os meus números globais de NL50 (6max e full ring) e fiquei estarrecido com o resultado, em 140k hands estou cerca de 2000$ abaixo do esperado, o que tendo em conta a sample, que já é significativa, são números já relevantes (cerca de 40 buyins), o que me deixa um pouco preocupado, mas ao mesmo tempo confiante para o futuro, porque sei que mais tarde ou mais cedo isto terá de nivelar, e aí colherei os frutos deste (por agora) meu desapontamento :D :D.

Quanto ao resto da semana, espero jogar fortemente na 4a, 5a e 6a, já que no Sábado devo ir a Aveiro, ter com familiares e aproveitamos para ir ver o jogo do Beira-Mar, contando com a esperada subida de divisão, e Domingo estarei de volta a Coimbra para o cortejo da Queima das Fitas, e aguardando ansiosamente pelas 20h para finalmente festejar violentamente o tão esperado titulo, daí que seja possível que não dê noticias tão cedo :D :D

2 comentários:

  1. Nice post =P, muito bom os videos, nao chegaram a andar a porrada com eles? Oh assim nao mete piada( joke )...
    Quanto ao poker well espera que bata que pelos vistos vai bater forte =)

    ResponderEliminar
  2. Thanks, epah (in)felizmente, não aconteceu nada, fica para a próxima :D :D
    Vai ter mesmo que bater, senão sou eu que bato em alguém!! :D
    Ab

    ResponderEliminar